domingo, 28 de fevereiro de 2010

grito do aimorè

http://1.bp.blogspot.com/_JpbZjqaoBEA/SMZjn4P1YaI/AAAAAAAAGRA/OsBnxFAeexE/s400/indios2.jpg
Danço
Canto
Sei sorrir
Minha mímica até engana
além do arco iris
tem um povo que me chama
As luzes do palco iluminam
Minha outra essência de alma
Dentro dessa vida há uma vida
Uma vida esmigalhada
Pelo outono
O verão
Invernos e chuvaradas....
...............................

Primaveras pseudo românticas
Ventos frios
Estrela d alva
Canto triste
Um lamento
Sem ritmo sequer
Alto brada
Pelas matas
Grito do aimoré
Raça forte e vibrante
Cena triste e chocante
Índio queimado
Por filho de gigante
Terra rica de gente ignorante
Sobrevive quem tem sorte
Ou vira presa da morte


Anna Karenina

Nenhum comentário:

Postar um comentário